Energia renovável deve crescer 50% nos próximos cinco anos, diz relatório de agência internacional

Relatório agência internacional - Elysia energia solar Rio Grande do Sul

Relatório da Agência Internacional de Energia (AIE) afirma que é “momento crucial” para a energia renovável – documento vai na direção contrárias das mudanças apresentadas pela Aneel, no Brasil

O fornecimento global de eletricidade a partir de energia renovável está crescendo mais rápido do que o esperado – e pode crescer mais 50% nos próximos cinco anos, impulsionado, principalmente, pela ampliação da energia solar. A Agência Internacional de Energia (AIE) concluiu que os projetos de energia solar, eólica e hidrelétrica estão sendo lançados em um ritmo mais rápido nos últimos quatro anos.

Como funciona a energia solar? 

O relatório mais recente da agência prevê que, em 2024, a capacidade de geração de energia solar no mundo deve crescer 600 GW, quase o dobro da capacidade total instalada de eletricidade do Japão. No geral, a eletricidade renovável deverá crescer 1.200 GW nos próximos cinco anos, o equivalente à capacidade total de eletricidade dos EUA.

Faça um orçamento gratuito

“Este é um momento crucial para as energias renováveis”, disse o diretor executivo da AIE, Fatih Birol. “Tecnologias como a energia solar fotovoltaica e o vento estão no centro das transformações que ocorrem no sistema global de energia. Sua crescente implantação é crucial para os esforços para combater as emissões de gases de efeito estufa, reduzir a poluição do ar e expandir o acesso à energia. ”

Fontes de energia renováveis compõem 26% da eletricidade do mundo, diz agência internacional

De acordo com o jornal inglês The Guardian (que publicou a notícia sobre este relatório), uma revolução em energia renovável poderia acabar com a crescente demanda mundial por petróleo e carvão na década de 2020.

Baixe o e-book inédito sobre energia solar 

As fontes de energia renováveis compõem 26% da eletricidade do mundo hoje, mas, segundo a AIE, sua participação deve chegar a 30% até 2024. Birol, porém, alertou que o papel das energias renováveis no sistema global de energia precisaria crescer ainda mais rápido se o mundo pretende cumprir suas metas climáticas.

Conheça as vantagens de utilizar energia solar na sua empresa

O relatório aponta que as crescentes ambições climáticas na União Europeia e nos EUA desempenharam o papel mais importante na elevação das previsões da AIE, mas será a China quem vai liderar o desenvolvimento de projetos de energia eólica e solar. Prevê-se que o custo da energia solar diminua entre 15% e 35% até 2024, impulsionando um crescimento adicional na segunda metade desta década.

Número de painéis solares domésticos deve atingir cerca de 100 milhões de telhados até 2024

É esperado também, conforme o relatório,  que o apetite de empresas e fábricas por energia solar, seja o maior impulsionador do boom da tecnologia fotovoltaica, uma vez que os empreendedores reduzem significativamente suas contas de energia após o investimento.  

Mas o número de painéis solares domésticos também deve mais que dobrar, atingindo cerca de 100 milhões de telhados até 2024, com o maior crescimento per capita previsto para a Austrália, Bélgica, Estado da Califórnia (EUA), Holanda e Áustria.

Mesmo após o crescimento “espetacular” esperado para a energia solar nos próximos cinco anos, os painéis cobrirão apenas 6% dos telhados disponíveis no mundo, deixando espaço para mais crescimento.

seta-more