Blog

Investir agora: preço da energia solar no Rio Grande do Sul é atrativo para consumidores

Sistema fotovoltaico em Guaíba - Elysia Energia Solar Rio Grande do Sul

Com o preço da energia solar no Rio Grande do Sul em um patamar atrativo, é consenso entre os especialistas do mercado que a hora de investir é agora. Os motivos para o investimento em energia solar neste momento são vários. Entre eles, a queda no valor dos equipamentos, em razão da disseminação da tecnologia no Rio Grande do Sul. Além dos repetidos reajustes na conta de luz no Estado. Só neste ano, todas as concessionárias de energia do RS aumentaram a tarifa em mais de 20%. Valor 450% acima da inflação projetada para este ano.

Nunca foi tão barato investir em sistema fotovoltaico no Rio Grande do Sul e no Brasil. Segundo relatório da Greener, o preço da energia solar caiu quase 24,04% em 2017. O preço da energia solar acompanha o custo dos equipamentos componentes de um sistema e os custos de integração (custo de instalação e projeto). Ambos os fatores apresentaram queda significativa nos últimos meses. No Rio Grande do Sul, o fato de a conta de energia elétrica ser uma das mais elevadas do Brasil faz com que o investimento tenha um retorno ainda mais rápido.

“O momento de investir em energia solar é agora. O consumidor está presenciando um preço historicamente mais baixo e estável. E uma oportunidade de retorno de investimento em tempo recorde”, analisa Luccas Prioto, sócio-diretor da Elysia Energia Solar. Com sede em Porto Alegre, a empresa é referência em projeto e instalação no Rio Grande do Sul. Com uma equipe técnica altamente qualificada, a Elysia possui mais de cem instalações no RS e SC.

Segundo estudo, o Brasil apresenta um cenário de queda na energia solar mais atrativo do que em outros países. Considerando que o mercado vem se consolidando no país e a tecnologia já se encontra madura, no entanto, pouco pode-se prever em termos de preço daqui para frente. Por isso, mais do que nunca, o momento ideal para investir é agora.

Preço de energia solar no Rio Grande do Sul

Hoje, a energia fotovoltaica representa apenas 0,88% da potência instalada de todo país. O RS, por sua, vez é o segundo estado com a maior potência instalada. Está cerca de R$ 2,70 mais barato o watt instalado de energia solar no Brasil. De acordo com o gerente de planejamento energético da Secretaria Estadual de Minas e Energia, Eberson Silveira, em entrevista à GauchaZH, de junho de 2016 a janeiro deste ano, o preço para instalação do sistema caiu de R$ 7,80 por watt para R$ 5,21. Agora, estaria em torno de R$ 5,10, estima.

Em março, o Brasil apenas chegou aos 100 MW de geração distribuída (99% é solar). Levantamento da Empresa de Pesquisa Energética (EPE) indica que, apenas nos telhados das residências brasileiras, o potencial chega a 164 mil MW, acima da capacidade atual de todas as usinas brasileiras em operação.

seta-more